Archive for maio, 2010

Faltam 11 dias para Copa do Mundo!

Pela primeira vez a Copa do Mundo era disputada na Ásia, com uma organização conjunta entre Coréia do Sul e Japão. E o Brasil chegou para a competição desacreditado. A Seleção enfrentou uma série de problemas entre os Mundiais de 1998 e 2002, com três trocas de treinadores e um momento político conturbado, por causa das CPIs  da CBF/Nike e do Futebol. Se não bastasse isso, o técnico Luiz Felipe Scolari ainda sofria pressão popular e da imprensa, para que convocasse o atacante Romário.

Tudo isso  serviu para fortalecer o grupo, que se fechou, formando o se  chamou de “Família Scolari”. A grande dúvida era em relação à participação do atacante Ronaldo na Copa, pois ele tinha passado quase todo período entre Mundiais de 1998 e 2002 sem jogar por causa de contusões.

Ronaldo e a Seleção Brasileira souberam aproveitar o grupo fraco que o Brasil teve pela frente na primeira fase. O time só encontrou dificuldade na estreia, quando fez 2 a 1 na Turquia, de virada. Depois passou fácil por China (4 a 0) Costa Rica (5 a 2).

Após disputar toda a primeira fase na Coreia do Sul, quando a competição entrou  no mata-mata, o Brasil se mudou para o Japão. E nas oitvas de final passou pela Bélgica, vencendo por 2 a 0, num jogo em que o árbitro jamaicano anulou um gol legítimo de Wilmots, quando o placar estava 0 a 0. Nas quartas de final, houve um grande desafio. O adversário era a Inglaterra, que saiu na frente. Com gols de Rivaldo e Ronaldinho Gaúcho, a Seleção virou.

A partir das semifinais, Ronaldo brilhou intensamente. Fez o gol da vitória de 1 a 0 sobre a Turquia, que já tinha sido  batida na estreia, e marcou duas vezes no 2 a 0 sobre a Alemanha, que garantiram o penta.

Trecho retirado do livro de Alexandre Simões, Almanaque da Seleção- Histórias, estatísticas e curiosidades do Brasil na Copa do Mundo de 1930 a 2006. A venda nas melhores livrarias do país!

maio 31, 2010 at 1:08 pm Deixe um comentário

Paixão entre Linhas na Copa do Mundo

O selo Paixão entre Linhas fez grande sucesso na II Bienal do Livro de Minas. Principalmente o seu mais novo produto, os Kits Torcedor Adulto e Mirim.

O kit Torcedor Adulto, com tabela de jogos, bandana, corneta, chaveiro, bandeira de carro e a publicação “Almanaque da Seleção – Histórias, estatísticas e curiosidades do Brasil na Copa do Mundo de 1930 a 2006”. Há ainda o kit Torcedor Mirim, com o livro “Meu Brasil campeão! Orgulho da nação!”. Compõe o kit infantil uma tabela de jogos, squeeze, apito, pulseira e bloco em formato de bola.

maio 28, 2010 at 1:39 pm Deixe um comentário

Paixão entre Linhas e os craques

Veja os craques da bola!!!

maio 26, 2010 at 4:24 pm Deixe um comentário

O sapato do mundo é a chuteira

Em “Os Donos do Mundo” Luís Augusto Símon e Rubens Leme afirmam que os verdadeiros donos do mundo calçam chuteiras.

Em 500 páginas de pesquisa muito bem realizada, a história de todas as 18 copas realizadas até hoje são contadas, em detalhes.  Desde o grande artilheiro até aquele jogador que tinha tudo para ser a grande sensação do Mundial mas acabou sendo preterido pela sorte e esquecido no mundo da Copa. Para esses craques, Símon e Leme dizem que o azar foi da copa, de não tê-los dado o devido valor!

Com texto bem apurado, a leitura de “Os Donos doMundo” é prazeirosa e instigante. São apresentados jogadores que alguns viram jogar e a outros, com a força do texto, faz querer vê-los jogar.

Nomes como Puskas, Carrocel Holandes, Pelé, Garrincha, Eusébio, Rossi, Maradona e muitos outros craques estão presentes nesta verdadeira enciclopédia da Copa do Mundo!

Vale a pela ler e descobrir quem são so verdadeiros Donos do Mundo!

maio 26, 2010 at 12:46 am Deixe um comentário

Fotos com Mascotes

As fotos com os mascotes Galo Doido e Raposão podem ser vistas e copiadas no link de fotos!

maio 25, 2010 at 7:13 pm 1 comentário

O selo Paixão entre Linhas foi a sensação da II Bienal do Livro de Minas!

O selo Paixão entre Linhas tomou conta da II Bienal do Livro de Minas.  O selo  além de estar no stand da Editora Leitura, esteve também no espaço Goleada Literária.

Lá, a Editora Leitura fez o lançamento do livro Rei de Copas de Alexandre Simões dedicado ao Cruzeiro Esporte Clube, com a presença de Palhinha e Douglas, dois grandes ex-jogadores do clube e da Seleção.

A editora Leitura promoveu em seu stand a Torcida da Paz com a presença das Mascotes do Atlético, Galo Doidão, e do Cruzeiro Raposão.

Veja as fotos das mascotes com os torcedores no link Fotos ao lado esquerdo da tela.

maio 25, 2010 at 7:10 pm Deixe um comentário

Faltam 36 dias para Copa do Mundo…

… ” O Brasil já vivia um jejum de 24 anos sem título mundial. A pressão sobre a Seleção Brasileira só não era maior que o descrédito que a equipe carregava, pois viveu períodos muito difíceis antes do Mundial dos estados UNidos. O time de Carlos Alberto Parreira foi alvo de muitas críticas, e seu esquema tático era bastante contestado.

Parreira soube administrar toda situação. E ainda armou uma equipe sólida, que deu uma nova consciênica tática ao futebol brasileiro. Passou-se a perceber que o esporte é feito de ataque e defesa. Era o famoso equilíbrio, tão falado pelos treinadores e que o Brasil teve de sobra nos gramados norte-americanos.

O time passou pela primeira fase com boas vitórias sobre Rússia (2 a0) e Camarões (3 a0). Só na última rodada, co a equipe  já entrando em campo classificada, o empate por 1  1 com a Suécia foi suado, mas o suficiente para garantir a primeira posiçãodo Grupo B.

Nas oitavas de final, houve um confronto dramático com os esatdos Unidos, donos da casa, justamente num 4 de julho, dia da Indepedência. Leonardo foi expulso no final do primeiro tempo e a vitória foi magra, de 1 a 0, gol de Bebeto. Nas quartas de final, quando Bebeto fez 2 a 0 sobre a Holanda, aos 18 minutos do segundo tempo, a fatura parecia liquidada. Mas os holandeses conseguiram o empate. O gol da vitória de Branco, cobrando falta, só saiu aos 36 minutos. Nas semifinais, novo confronto com a Suécia, e vitória por 1 a 0, gol de cabeça de Romário.

A decisão colocava Brasil e eItália frente a frente. Uma das equipes  deixaria a Rose Bowl como a única tetracampeã mundial. Depois de um empate sem gols no tempo nornal e prorrogação, a Seleção quebrou jejum e foi a primeira , e até hoje única,campeã mundial nos penaltis.”

Texto retirado do livro “Alamanque da Seleção” de Alexandre Simões. Em breve nas livrarias!

maio 6, 2010 at 1:05 pm 1 comentário

Posts antigos


Olá, você está no blog do Paixão entre linhas, um projeto da Editora Leitura que une literatura e futebol e vai surpreender os torcedores dos principais clubes do país.

Posts

Twitter

  • RT @editoraleitura: "5ª rodada do Brasileirão é dos Paulistas" Confira o post no blog Paixão Entre Linhas: tiny.cc/ag3un E dê sua ... 6 years ago
  • Pessoal, hoje nós nos mudamos oficialmente para o Twitter da Editora Leitura @editoraleitura onde agora também haverão tweets sobre futebol! 6 years ago
  • RT @editoraleitura: Boa tarde, gente!!! Então quer dizer que hoje começa o inverno, né? Hummm... isso nos lembra uma leitura bem gostosa ... 6 years ago
  • Já tá todo mundo seguindo o Twitter da Leitura? @editoraleitura Em breve o Paixão Entre Linhas vai ser lá também! :) 6 years ago
  • RT @editoraleitura: Entre os sorteios no “Bem Amigos” da SPORTV de hoje vai ter 365 MOTIVOS P/SER VASCAINO de Bruno Mazzeo e Sergio Alme ... 6 years ago
maio 2010
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31